Modelo de viseira de proteção desenvolvido pela USP está sendo produzido por indústrias

Máscaras do tipo face shield tornaram-se um equipamento de máxima importância para agentes de saúde que atuam na linha de frente do combate à COVID-19. Esses dispositivos, semelhantes às viseiras de capacetes de motociclistas, constituem uma primeira barreira física que protege médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas e outros profissionais do contato com as gotículas infectadas por coronavírus exaladas pelos pacientes. Por baixo delas, é necessário usar as máscaras convencionais.

Veja a reportagem completa em: http://agencia.fapesp.br/modelo-de-viseira-de-protecao-desenvolvido-pela-usp-esta-sendo-produzido-por-industrias/32925/

Na foto, profissional de saúde da Santa Casa de São Carlos testa o face shield. (foto:EESC-USP)